Free Hugs!

Elo06

Dia 22 de maio é comemorado o Dia Mundial do Abraço e a ideia que queremos reusar é: quem realmente celebra essa data?

Alguns amigos possuem o dom do abraço, com seu toque e afago nos passam segurança e carinho. Sentimo-nos protegidos e acolhidos por aquele abraço urso e é com ele que saudamos aqueles que amamos.

As imagens que ilustram essa coluna são do livro “Elo” do fotógrafo Calé Azad que retratou a reação das pessoas a um caloroso e afável abraço. Amigos que se abraçam em diversas cidades do mundo despertam mais do que sensações a si mesmos, provocando sensações de susto, surpresa, choque e alegria a quem está ao seu redor.

Elo

“O projeto vem do questionamento dos nossos limites no amor, o quanto nos permitimos dar e receber do outro. Não apenas o amor dos casais mas, o amor no seu sentido mais amplo, de sentimento de conexão com o outro. É impressionante como um abraço pode causar constrangimentos e até mesmo incomodar.” (CaléAzad)

Elo

Será que estamos mais acostumados com a violência urbana ou o lado ruim da vida que nos desconectamos a ponto de sermos surpreendidos por gestos de amor?

Pelo sim e pelo não seguimos abraçando as pessoas que nos fazem bem, ao mundo e as boas ideias. Essa troca de energia é essencial e conectora com a verdade de que todos somos um só.

Elo14

E você, já abraçou alguém hoje? Permita-se dar um abraço daqueles no meio da rua e provoque sensações ao seu redor. Vai que você acaba inspirando alguém a passar a adiante esse carinho?

Em tempo: o projeto FreeHugs (Abraços Grátis) consiste em pessoas dispostas a doar seu abraço a desconhecidos que passam por quem está com este cartaz e a quem mais quiser aproveitar do carinho ofertado.

Para registro dedicamos essa coluna a nossa amiga Kika do Espaço Celeste de Indaial que é conhecida por ter (e compartilhar) o MELHOR ABRAÇO DO MUNDO!  Quem já experimentou sabe do que estamos falando <3

No Reuse Ideias você encontra de tudo que pode ser reusado, repensado e reciclado: ideias, pensamentos, moda, gastronomia, design, música, arte, atitude e muito mais. Tudo que já foi e pode ser novo de novo, porque o que vale é se reinventar.